Wiki Castlevania
Advertisement
Simon-MoF-Box

Simon Belmont é um dos protagonistas de Castlevania: Lords of Shadow - Mirror of Fate. Ele é o filho de Trevor e Sypha Belmont. Após a morte de seus pais, Simon decide destruir Drácula de uma vez por todas ao lado de Alucard, sem saber que eles são respectivamente seu avô e pai.

Aparência[]

Em comparação com seu pai Trevor Belmont, Simon parece mais bárbaro. Ele veste luvas de couro, um manto de pele, tem o peito nu, usa barba espessa e carrega um chicote de couro, chamado de Assassino da Besta, em vez da Cruz de Combate. Ele consegue a Cruz de Combate mais tarde. A razão para essa diferença é porque Simon foi criado pelo povo das montanhas, enquanto Trevor foi criado pela Irmandade. Além de seu traje "bárbaro", Simon parece estar usando um rosto de madeira em seu torso similar ao usado por Baba Yaga. Ele usa um chicote de couro e usa algumas das sub-armas que ele usou em jogos clássicos. Ao contrário de jogos anteriores, ele também é capaz de invocar os guardiões místicos.

Personalidade[]

Simon é um homem rude propenso a ataques de raiva.. Seu método ríspido e direto ao lidar com problemas pode causar problemas às vezes, mas de outra forma não impede a sua capacidade de atacar o castelo de Drácula.

Ao contrário do habitual protagonista estereotipado, Simon prefere não se preocupar com nada além de seu objetivo principal. Esta é a única razão pela qual ele esqueceu de acabar com o Vigia Noturno depois de derrotá-lo, deixando Alucard para lidar com o ladrão que ele mais tarde se tornaria. Outro exemplo de sua personalidade direta é mostrado quando ele encontra a relíquia segurando o Espírito dos Belnades; dando-lhe um único olhar, ele a joga sobre o ombro com um grunhido de desinteresse, libertando o espírito sem intenção no processo.

Enquanto sua maneira direta de lidar com problemas, e seu incansável foco de ferro na derrota de Drácula o ajuda a superar a maioria das criaturas no castelo, na verdade, Simon prova que não é páreo para o próprio Drácula, algo que é mencionado por Alucard. e depois por Drácula.

História[]

Nascido em 1067, Simon é filho de Trevor Belmont e Sypha Belmont. Aos seis anos, seus pais foram assassinados pelas forças de Drácula; Sypha foi morta por um bando de lycans e Trevor faleceu lutando Drácula em combate único. Simon teve sorte de escapar com vida. Perdido e sozinho, ele foi encontrado na floresta por algumas das pessoas da montanha, e foi criado entre eles.

No entanto, ele nunca esqueceu o que aconteceu com seus pais e prometeu vingar-se um dia. Ele treinou duro e tornou-se talentoso em combate, mas a vida era difícil enquanto o jovem Simon crescia. Sempre um pária na tribo, ele desenvolveu uma vontade forte e uma atitude obstinada que sempre se transformava em raiva, e os homens logo passaram a temê-lo por suas proezas nas artes da guerra. Ele protegeu ferozmente um fragmento de espelho dado a ele por seu pai e sempre o usava em seu pescoço por segurança.

Mirror of Fate[]

Muitos anos se passaram, mas a raiva e o anseio por vingança nunca deixaram seu coração. Então, um dia, ele deixou a segurança relativa das montanhas e se dirigiu para a terra de seu nascimento, procurando por aquele que eles chamam de Dragão, para encontrá-lo face a face, e destruí-lo para sempre, pouco sabendo que a maldição de sua família o levaria à escuridão e a uma terrível verdade.

Ao chegar aos portões do castelo, Simon encontra a Alma Perdida, que mostra a ele que a Cruz de Combate de Trevor ainda estava no castelo. Depois de passar pelas cavernas e encontrar o espírito de sua mãe, ele luta contra o Vigia Noturno no castelo e o deixa para morrer.

Enquanto usava um elevador perto das cozinhas do castelo, Simon vê uma figura misteriosa em chamas, caindo de uma torre e mergulhando água abaixo. Simon é então incapacitado pelos Corcundas, mas mata seus inimigos facilmente. Em um teatro, Simon enfrenta uma legião de fantoches, e seu pai, Alucard o ajuda a escapar antes de desaparecer sem dizer uma palavra.

Na biblioteca, Simon encontra um lugar secreto e a arma de seu pai. Um necromante rouba a arma, dizendo que o general Zobek está procurando por ela e confronta Simon. O guerreiro sai vitorioso e pega a arma de volta.

Simon é depois preso no carrossel do fabricante de brinquedos, mas Alucard aparece mais uma vez para ajudá-lo, fazendo Simon jurar que não vai lutar sozinho com Dracula, que observa tudo de cima, despercebido pelos dois guerreiros.

Após subir uma torre, Simon invade o castelo, mas encontra um paraíso criado pela súcubo. Enquanto ele a princípio nãp resiste, sua drenagem de alma força-o a perceber que é uma armadilha, e ele luta contra a súcubo. Após sua morte, sua ilusão desaparece e Drácula aparece sentado em seu trono.

Depois de um breve diálogo, os dois se preparam para lutar, mas Alucard intervém. Os três batalhas, Simon e Alucard mal conseguiram superar o poder do senhor das Trevas. Simon fica inconsciente no meio da batalha e depois é controlado por Drácula por um curto período de tempo, mas Alucard o libera do controle da mente drenando a névoa negra que envolve sua forma.

Uma vez que os dois derrotam Drácula, o vampiro desaparece, e Alucard percebe que sua morte é atípica para um vampiro. Simon relutantemente dá seu fragmento de espelho para a Alma Perdida a pedido de Alucard, que explica que ele nunca poderá tomar uma decisão correta com o artefato amaldiçoado. Simon pergunta a Alucard sobre sua verdadeira identidade, mas o vampiro não responde e se despede.

Simon é visto pela última vez nas montanhas, vendo o castelo desmoronar e se despedindo de Alucard, que é visto voando da destruição em forma de morcego.

Relação com a série clássica[]

  • No canon original, em vez de filho, Simon é descendente direto de Trevor e Sypha Belnades, nascido séculos depois.
  • A versão Lords of Shadow de Simon é a única encarnação do personagem que tem uma barba.
  • A habilidade natural de Simon de usar magia devido a sua conexão com a linhagem de Belnades é semelhante a Juste Belmont na linha do tempo clássica.
  • Nessa continuidade, Simon com seu pai, em vez de apenas Trevor, é o primeiro Belmont a derrotar Drácula, ainda que apenas temporariamente.
  • Simon sendo possuído por Drácula é semelhante a como Richter Belmont foi possuído por Shaft em Symphony of the Night.
  • Simon empunhando o Assassino da Besta é uma referência a como cada Belmont nos jogos clássicos começa com um chicote de couro.

Curiosidades[]

  • Está implícito que Drácula estivesse fazendo um show para o benefício de seu filho e neto o tempo todo, para evitar usar toda sua força e por consequencia matar Simon, já que ele nunca faz uso de seu poder nulo ou caótico.
  • É inteiramente possível, dada a armadilha que armadilha que Dracula havia preparado para Simon através da Súcubo, que ele pretendia transformar Simão em vez de matá-lo imediatamente.  
  • Somente ao se unir a Alucard Simon foi capaz de dar o golpe final em Drácula, já que um humano não teria sido capaz de derrotá-lo.  
  • A idéia original para Lords of Shadow era um reboot do Castlevania original e MercurySteam tinha a intenção de ter Simon como o protagonista antes de terem recebido liberdade para fazer sua própria história.
  • No trailer, Simon afirmou que seu pai havia lhe dado um pedaço de espelho quando ele era um menino que é dito vir de um espelho mágico, mais tarde revelado para ser o mesmo espelho que o jogo recebeu o nome.
  • Simon é o único Belmont na continuidade do Lords of Shadow a usar um chicote de couro.
  • O Simon Belmont apresentado em Mirror of Fate difere na aparência do conceito original de Simon de Lords of Shadow
  • Simon é o único Belmont que não utiliza um salto duplo.
Advertisement